Atrasos vão até fim do governo?

Sex, 06 de Julho de 2018 00:38 0 COMMENTS
Imprimir

O quinto dia útil é amanhã, mas servidores de Minas Gerais não sabem nem quando irão receber os salários parcelados

notaderepudio

A peleja dos servidores estaduais para ver a cor de seus salários continua e - como se não bastasse – o governo anuncia pela imprensa que não tem previsão para o calendário das parcelas deste mês e que o confisco do pagamento vai se estender até o fim do ano. A afirmação noticiada foi dada pelo secretário estadual Helvécio Magalhães. Em fevereiro deste ano, dois anos depois do início da famigerada política, o governo havia projetado o fim do parcelamento para abril. O Sind-Saúde/MG repudia o descaso com que o Estado trata o funcionalismo.

Segundo o Jornal Estado de Minas, durante o lançamento do plano estadual de desenvolvimento da gastronomia, Helvécio afirmou que não há “mais a mínima possiblidade” de acabar com o parcelamento dos salários em abril.

O Sind-Saúde critica o loteamento que o governo faz na folha de pagamento, priorizando algumas categorias em detrimento de tantas outras.